We’ll Always have Paris (Nós sempre teremos Paris) – provavelmente em algum momento da sua vida você já ouviu essa frase, uma citação feita por Humphey Bogart no romântico filme Casablanca, mas somente quem já foi a Paris entende o que isso quer dizer.

Inspiração para milhares de filmes, livros e músicas, a Cidade Luz é palco de grandes artistas da história da humanidade, pintores, filósofos, cineastas, cantores e mais incontáveis outros talentosos homens e  mulheres que fizeram de suas ruas e becos cenários para lindas histórias de amor, canções e pinturas.  A cidade é mágica e consegue falar com cada um de nós de maneira diferente e única.

Foi por isso que escolhi Paris. Tenho um relacionamento íntimo com esta cidade. Cada clique carrega uma história e consigo a emoção daquele momento.

O que diferencia um artista das outras pessoas não é o seu talento, mas o intenso desejo de dividir suas emoções. Emoções através de imagens é o grande propósito deste livro. Concordo com Audrey Hepburn quando disse em “Sabrina”: “Paris é sempre uma boa ideia”. Espero que depois de folhear as páginas deste livro você também pense assim.

We’ll Always have Paris (Nós sempre teremos Paris) – provavelmente em algum momento da sua vida você já ouviu essa frase, uma citação feita por Humphey Bogart no romântico filme Casablanca, mas somente quem já foi a Paris entende o que isso quer dizer.

Inspiração para milhares de filmes, livros e músicas, a Cidade Luz é palco de grandes artistas da história da humanidade, pintores, filósofos, cineastas, cantores e mais incontáveis outros talentosos homens e  mulheres que fizeram de suas ruas e becos cenários para lindas histórias de amor, canções e pinturas.  A cidade é mágica e consegue falar com cada um de nós de maneira diferente e única.

Foi por isso que escolhi Paris. Tenho um relacionamento íntimo com esta cidade. Cada clique carrega uma história e consigo a emoção daquele momento.

O que diferencia um artista das outras pessoas não é o seu talento, mas o intenso desejo de dividir suas emoções. Emoções através de imagens é o grande propósito deste livro. Concordo com Audrey Hepburn quando disse em “Sabrina”: “Paris é sempre uma boa ideia”. Espero que depois de folhear as páginas deste livro você também pense assim.

We’ll Always have Paris (Nós sempre teremos Paris) – provavelmente em algum momento da sua vida você já ouviu essa frase, uma citação feita por Humphey Bogart no romântico filme Casablanca, mas somente quem já foi a Paris entende o que isso quer dizer.

Inspiração para milhares de filmes, livros e músicas, a Cidade Luz é palco de grandes artistas da história da humanidade, pintores, filósofos, cineastas, cantores e mais incontáveis outros talentosos homens e  mulheres que fizeram de suas ruas e becos cenários para lindas histórias de amor, canções e pinturas.  A cidade é mágica e consegue falar com cada um de nós de maneira diferente e única.

Foi por isso que escolhi Paris. Tenho um relacionamento íntimo com esta cidade. Cada clique carrega uma história e consigo a emoção daquele momento.

O que diferencia um artista das outras pessoas não é o seu talento, mas o intenso desejo de dividir suas emoções. Emoções através de imagens é o grande propósito deste livro. Concordo com Audrey Hepburn quando disse em “Sabrina”: “Paris é sempre uma boa ideia”. Espero que depois de folhear as páginas deste livro você também pense assim.